SEÇÕES

ENTRAR

Sem conta ainda? Cadastre-se.

CLIQUE AQUI

Banco de Currículos

Taxas

ix eeb

As inscrições para o IX Encontro de Economia Baiana vão até o dia 13 de setembro de 2013. As edições do EEB costumam reunir cerca de 800 participantes, entre estudantes, pesquisadores, gestores públicos e demais interessados, além da apresentação de artigos inscritos e palestras com especialistas de renome.

A nona edição do Encontro traz como convidado para a palestra de abertura o Prof. Dr. Carlos Brandão, professor do Instituto Multidisciplinar da UFRRJ, Livre Docente e Professor Titular pelo Instituto de Economia da Unicamp. O palestrante abordará as perspectivas e possibilidades de se alcançar um novo patamar de desenvolvimento para o Nordeste, com maior crescimento econômico e melhoria na geração de emprego e renda para os diferentes estados.

O evento também terá como palestrante, o Sr. Fernando Nogueira Costa, doutor em Ciência Econômica pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que discutirá o tema “Social-Desenvolvimento e Capitalismo de Estado Neocorporativista”. Além de uma mesa redonda com o tema “Integração e Desenvolvimento da Bahia” formada por Oswaldo Guerra, doutor em Ciência Econômica pela Unicamp e Edgar Porto, doutor em Planificação Territorial e Desenvolvimento Regional pela Universidade de Barcelona (UB).


Este ano, foram submetidos 103 artigos para o IX EEB e destes foram selecionados cerca de 40 para apresentação durante o encontro. Os trabalhos selecionados irão concorrer a prêmios nas categorias Economia Baiana, Economia Regional e Financiamento do Desenvolvimento, e o melhor produto de cada categoria receberá R$ 4.000,00 (quatro mil Reais), conforme avaliação da Comissão Científica do Encontro. A premiação total será de R$ 12.000,00 (doze mil Reais).


O Encontro de Economia Baiana é realizado pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia da Secretaria do Planejamento (Seplan), em parceria com o curso de Mestrado em Economia da Universidade Federal da Bahia (Mesteco) e com a Desenbahia.


Mais informações, clique AQUI.

Adicionar comentário